Templates da Lua

Perfil

Meu perfil

BRASIL, Sul, CANOAS, CENTRO, Mulher, de 20 a 25 anos, Portuguese

Histórico

+ veja mais

Votação

Dê uma nota para meu blog

XML/RSS Feed
O que é isto?

Leia este blog no seu celular

Visitante Número

Créditos

Templates da Lua

23/06/2010

 

 

 

 

 


Escrito por Jajuka às 20h52
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

 

 

 

 


Escrito por Jajuka às 20h05
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

16/06/2010

http://www.youtube.com/watch?v=A155I3l16FA&feature=related


Escrito por Jajuka às 21h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

http://www.youtube.com/watch?v=8q3z5lp5U1A


Escrito por Jajuka às 21h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/06/2010

 

 

 

 

 

 

 

 


Escrito por Jajuka às 21h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

30/05/2010

 

Segundo Nora Rodriguez, "o autor (bully) faz qualquer coisa por um pouco de popularidade simplismente porque não é um lider natural, não é um menino que todos escutam, não é o mais querido... tampouco é o garoto inibido que nunca é escutado e cuja companhia e evitada; não é o pesado, nem o engraçado da classe... o"bully" é aquele que , a principio, se confunde com a maioria , porém, diferentemente dos demais, ele deseja o protagonismo e o alcança impressionando"( op.cit.2005,p.63).


Escrito por Jajuka às 12h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

28/05/2010

" Penso que foi muito positivo,apesar de ter sido uma atitude tardia...afinal o bullying infelizmente sempre esteve presente,principalmente nas nossas escolas.Mas fico feliz por estarem levando mais á sério esse tema que é tão preocupante atualmente!!!"  (Karine Assmann, uma das criadoras do Blog)


Escrito por Jajuka às 22h47
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

26/05/2010

Fórum de Discussão: O que você achou do projeto antibullying?

 

 

 


Escrito por Jajuka às 22h49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

 

 

Entre práticas de bullying, o projeto cita as ameaças e agressões, físicas ou verbais, submissão de outro, pela força, à condição humilhante, envio de fotos ou vídeos constrangedores via internet ou por celulares e insultos ou atribuição de apelidos maldosos.


Escrito por Jajuka às 22h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

A Assembléia Legislativa aprovou ontem o projeto de lei 264/2009 - conhecido como projeto antibullying, que trata do combate à prática de bullying nas instituições de ensino e de educação infantil, públicas ou privadas, no Rio Grande do Sul.

A medida visa conter situações de violência entre jovens, principalmente no ambiente escolar.

Deverão ser promovidos cursos com o objetivo de previnir e alertar sobre este tipo de violência.


Escrito por Jajuka às 22h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

19/05/2010

 


Escrito por Jajuka às 22h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O bullying pode acontecer em qualquer contexto social, como escolas, universidades, famílias, entre vizinhos e em locais de trabalho.

O bullying, de fato, sempre existiu. O que ocorre é que, com a influência da televisão e da internet, os apelidos pejorativos foram tomando outras proporções.O fato de ter consequências trágicas, como mortes e suicídios, e a falta de impunidade proporcionou a necessidade de se discutir de forma mais séria o tema.

Como prevenir o problema na escola

Para evitar o bullying, as escolas devem investir em prevenção e estimular a discussão aberta com todos os componentes da escola, incluindo pais e alunos.

- Observe com atenção o comportamento dos alunos, dentro e fora de sala de aula e perceba se há quedas bruscas individuais no rendimento escolar.
- Incentive a solidariedade, a generosidade e o respeito às diferenças através de conversas, trabalhos didáticos e até de campanhas de incentivo à paz e à tolerância.
- Desenvolva desde já, dentro de sala de aula um ambiente favorável à comunicação entre alunos.
- Quando um estudante reclamar ou denunciar o bullying, procure imediatamente a direção da escola.
- Muitas vezes, a instituição trata de forma inadequada os casos relatados. A responsabilidade é sim, da escola, mas a solução deve ser em conjunto com os pais dos alunos envolvidos.

Como a família pode ajudar

Os pais devem estar alertas para o problema – seja o filho vítima ou agressor pois ambos precisam de ajuda e apoio psicológico.

Mostre-se sempre aberto a ouvir e a conversar com seus filhos.
- Fique atento às bruscas mudanças de comportamento.
- É importante que as crianças e os jovens se sintam confiantes e seguros de que podem trazer esse tipo de denúncia para o ambiente doméstico e que não serão pressionados, julgados ou criticados.
- Comente o que é o bullying e os oriente que esse tipo de situação não é normal. Ensine-os como identificar os casos e que devem procurar sua ajuda e dos professores nesse tipo de situação.
- Se precisar de ajuda, entre imediatamente em contato com a direção da escola e procure profissionais ou instituições especializadas.



Escrito por Jajuka às 21h52
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

 

Esse tipo de violência tem sido cada vez mais noticiado e precisa de educadores atentos para evitarem consequências desastrosas.

O bullying escolar - termo sem tradução exata para o português – tem sido cada vez mais reportado. É um tipo de agressão que pode ser física ou psicológica, ocorre repetidamente e intencionalmente e ridiculariza, humilha e intimida suas vítimas.

Bullying é uma situação que se caracteriza por atos agressivos verbais ou físicos de maneira repetitiva por parte de um ou mais alunos contra um ou mais colegas. O termo inglês refere-se ao verbo "ameaçar, intimidar".

Estão inclusos no bullying os apelidos pejorativos criados para humilhar os colegas.

 

Como identificar vítima e agressor

Depressão, baixo auto-estima, ansiedade, abandono dos estudos – essas são algumas das características mais usuais das vítimas. De certa forma, o bullying é uma prática de exclusão social cujos principais alvos costumam ser pessoas mais retraídas, inseguras. Essas características acabam fazendo com que elas não peçam ajuda e, em geral, elas se sentem desamparadas e encontram dificuldades de aceitação.

Além dos traços psicológicos, as vítimas desse tipo de agressão apresentam particularidades, como problemas com obesidade, estatura, deficiência física. As agressões podem ainda abordar aspectos culturais, étnicos e religiosos.

Os agressores são geralmente os líderes da turma, os mais populares – aqueles que gostam de colocar apelidos nos mais frágeis. Assim como a vítima, ele também precisa de ajuda psicológica. "No futuro, este adulto pode ter um comportamento de assediador moral no trabalho e, pior, utilizar da violência e adotar atitudes delinqüentes ou criminosas


 


Escrito por Jajuka às 21h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/05/2010

 ...

O QUE É O BULLYING E SUAS CONSEQUÊNCIAS:

E VOCÊ JÁ VIVENCIOU OU CONHECE ALGUÉM QUE JÁ SOFREU O BULLYING?

O QUE VOCÊ PENSA A RESPEITO DISSO?

 


Escrito por Jajuka às 23h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Sejam bem-vindos ao blog "Bullying: violência física e moral"

 

 


Escrito por Jajuka às 22h53
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]